Pesquize em toda a Web

Brasilprev cria fundo para ativos do setor imobiliário

sábado, 8 de janeiro de 2011

A Brasilprev criou um fundo para investir em ativos relacionados ao setor imobiliário. "É a primeira brasileira de previdência privada a ter ativos imobiliários em suas carteiras", diz Sérgio Rosa, presidente da companhia.

A Brasilprev tem um modelo de gestão denominado pelo mercado como "fundos de fundos". A empresa comercializa planos PGBL e VGBL com opção de alocação em diversos fundos de investimento em cotas (FICs), como o "Composto 49".

Esses fundos são uma composição de outros, que têm os ativos, que podem ser compostos de papeis de crédito, ou um fundo de ações, ou só de títulos públicos etc.

O fundo "Composto 49D" tem no mínimo dois fundos, um de ações, com histórico de pagamento elevado de dividendos, e um de renda fixa.

A partir de estudos, a Brasilprev entendeu que valeria a pena ter um fundo imobiliário para investir, em uma ótica de médio-longo prazo.

O fundo "Composto 49" passará a contemplar em sua carteira cotas desse novo fundo com ativos imobiliários, dentre eles Certificados de Recebíveis Imobiliários, Letras Hipotecárias, Letras de Crédito Imobiliário, cotas de Fundo de Investimento Imobiliário, além de ações de empresas representativas do setor imobiliário listadas na Bovespa e com participação no índice de ações do setor.

Não foi criado novo produto, mas a iniciativa vem de um modelo de gestão para ampliar investimentos em fundos de investimento de previdência privada aberta. A Brasilprev constituiu o fundo e registrou na CVM.

Um volume de recursos já foi alocado para que se comece a composição da carteira. As alocações começaram no último dia 22. A expectativa é superar, em 2011, R$ 100 milhões em patrimônio.(FolhaSP/AdemiRJ)

0 comentários:

Postar um comentário

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP