Pesquize em toda a Web

Crédito imobiliário deve fechar 2010 em 4% do PIB

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

O financiamento imobiliário deve atingir 4% do PIB (Produto Interno Bruto) neste ano, revelou a CBIC (Câmara Brasileira da Indústria da Construção) nesta quarta-feira (22).

No relatório “Construção Civil: Análise e Perspectivas”, a entidade revelou que, em dezembro de 2004, por exemplo, a representatividade do financiamento imobiliário era de 1,3% do PIB.

Já para 2014, o relatório aponta que a Abecip (Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança) espera que o financiamento imobiliário chegue a 14% do produto.

Fatores
De acordo com a CBIC, uma série de fatores possibilitou a escalada do financiamento imobiliário no Brasil, entre eles, a estabilidade econômica, a recuperação da renda da população, o crescimento do emprego formal e a flexibilização das condições de financiamento.

Na flexibilização, estão itens como linhas de crédito com prazo ampliado, de até 30 anos, redução das taxas de juros e, com isso, prestações mais acessíveis, e novos produtos.

O relatório mostra que, neste ano, somente em recursos originários da poupança, projetam-se cerca de 400 mil unidades financiadas, em um valor que pode chegar a R$ 50 bilhões. Do orçamento do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), serão R$ 24 bilhões, também para 400 mil moradias. (Infomoney)

0 comentários:

Postar um comentário

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP