Pesquize em toda a Web

Novos juros reaquecem mercado imobiliário.

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

O mercado imobiliário brasileiro reagiu à crise e retoma seu ritmo de crescimento, principalmente em função das novas taxas de juros. Segundo Rubem Vasconcelos, presidente da Patrimóvel, o mercado já passou pela estagnação financeira e volta à normalidade.

“O mercado imobiliário está muito bem, vivendo um momento melhor, graças à moeda estável, com juros baixos e o crédito mais fácil, o que faz o mercado imobiliário renascer. Em todos os momentos de crise, o mercado vira-se para o setor imobiliário, que é um bem de raiz, com valor de moeda estável”, explica Vasconcelos.

Os investidores já mostram sinais de retorno ao mercado com o novo patamar de juros, que pode até chegar a 8,5% nos próximos meses. “As mudanças no mercado e o apontamento para pouco retorno financeiro em rendas fixas e demais aplicações faz com que a diversiicação das carteiras volte a ser estratégico para empresas e fundos de pensão”, afirma o empresário, que diz estar havendo uma grande fuga do mercado financeiro da renda fixa, que a cada dia rende menos, e migração para o setor imobiliário.

“O mercado financeiro continua muito instável e de risco. O aluguel dá retorno historicamente de 0,5% a 0,7% que, ao ano, pode chegar a 7,5%, sendo uma aplicação fácil e segura. Já os CDIs devem ficar abaixo disso esse ano. Hoje o mercado imobiliário passa a ser uma grande alternativa pra renda”. Além da renda com o aluguel posteriormente, os lançamentos costumam valorizar 20% quando ficam prontos, o que representa mais um gancho com apelo para o consumidor.

Segundo o empresário, no momento econômico atual, de 20% a 25% de todas as aplicações inanceiras são destinadas ao setor imobiliário e este número só tende a crescer.
(RevistaVidaImobiliaria nº08/2009)

0 comentários:

Postar um comentário

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP